Ir para

News

  • artigos
    314
  • comentários
    9
  • visualizações
    2.006

8 elementos de uma estratégia de conteúdo bem-sucedida


@blackrat.ads

199 visualizações

 Compartilhar

Faça parte do maior Fórum da América Latina sobre Estratégias Avançadas de Anúncios Online e aprenda a vender qualquer coisa usando Facebook Ads, Google Ads, Tik Tok, Native, Copywriting, PLR, Dropshipping e muito mais: https://l.blackrat.pro/jWmC2


⬇ CONECTE-SE COMIGO!

👉 Inscreva-se no canal: https://l.blackrat.pro/youtube

👉 Me siga no Instagram: https://www.instagram.com/blackrat.ads/

👉 Entre no meu canal do Telegram: https://t.me/blackrat

👉 Me acompanhe no TikTok: https://www.tiktok.com/@blackrat.ads

👉 Estou no Twitter: https://twitter.com/blackrat_ads


Uma boa estratégia de conteúdo ajudará você a estabelecer suas metas, determinar prioridades e maximizar a eficiência. Aqui está o que você precisa saber para criar um.

Quando se trata de marketing de conteúdo, tudo o que você faz precisa fazer parte de uma estratégia maior projetada para atingir metas específicas.

Mais vendas, mais leads, mais visualizações de página – seja o que for, você precisa de um plano claro, bem pensado e definido. Você precisa de uma estratégia de conteúdo.

O que é uma estratégia de conteúdo?

Como você provavelmente adivinhou, uma estratégia de conteúdo é um conjunto específico de táticas usadas no desenvolvimento e gerenciamento de conteúdo.

Ela usa várias formas de mídia, incluindo blogs, vídeos, podcasts e/ou postagens de mídia social para atingir fins comerciais específicos.

Não é a mesma coisa que marketing de conteúdo, mas é o seu plano mestre de marketing de conteúdo.

Quais são os elementos anatômicos de uma estratégia de conteúdo?

Como um polvo de marketing, existem oito apêndices importantes para uma boa estratégia de marketing.

Vamos percorrê-los na ordem em que você deve criá-los.

1. Objetivos

Um plano de marketing de conteúdo bem-sucedido sempre começa com objetivos claramente definidos. Esta é uma etapa que muitas pessoas pulam, infelizmente.

Diferentes tipos de táticas de marketing funcionam para atingir objetivos diferentes, a maioria dos quais provavelmente corresponde a uma etapa do seu funil de vendas.

Alguns dos objetivos mais comuns são aumentar o reconhecimento da marca, aumentar o tráfego, aumentar uma lista de e-mail, gerar novos leads, converter novos clientes, melhorar a retenção de clientes e fazer upselling.

O objetivo que você decidir determinará o tipo de conteúdo e canal para cada tática de marketing.

É perfeitamente aceitável ter vários objetivos; no entanto, entenda que nem todo conteúdo funcionará para todos os objetivos.

 2. Pesquisa

Cada tática em sua estratégia de conteúdo deve ser apoiada por pesquisas para justificá-la. E colocar o trabalho aqui vai lhe poupar muitas dores de cabeça no caminho.

Comece analisando seu público-alvo. Quais são seus dados demográficos? Quais são seus pontos de dor? Como você pode ajudá-los?

Em seguida, aplique esse conhecimento ao seu conteúdo atual e identifique onde ele atingiu a marca, onde poderia ser mais forte e onde errou completamente.

Faça uma pesquisa de palavras-chave e identifique quais frases você está classificando altamente e quais precisam ser trabalhadas. Certifique-se de observar a intenção, o volume e a relevância da pesquisa.

Investigue o que sua concorrência está fazendo. O que parece estar funcionando?

Para fins de marketing digital, identifique para quais palavras-chave eles estão classificando, quem está vinculando a eles e sua presença na mídia social.

3. Tópicos direcionados

A essa altura, você já deve ter começado a compilar uma lista de ideias e mensagens em potencial que deseja compartilhar.

Identifique quais tópicos são mais importantes para cada parte de sua estratégia e como seu novo conteúdo ajudará a atingir seu objetivo.

Para avaliar um tópico, determine como ele se encaixa em suas metas organizacionais.

Por exemplo, se você é uma empresa de suprimentos para camping que busca educar os consumidores sobre sua marca, uma postagem no blog sobre os 5 principais erros na construção de fogueiras pode atrair curiosos pesquisadores da web.

Isso vai te dar familiaridade com sua marca, embora seja improvável vender muitos sacos de dormir. Para isso, um banner com código de desconto pode ser mais útil.

Tente abordar cada tópico de novos ângulos.

Se você puder encontrar uma nova maneira de enquadrar as coisas, você se destacará em um mercado lotado de recauchutados da mesma ideia. Seja o mais específico possível sem limitar sua criatividade.

4. Calendário Editorial

É hora de identificar quando você deve publicar cada parte do conteúdo.

Algumas coisas têm estações claramente definidas. Por exemplo, ninguém está comprando uma árvore de Natal em junho, mas é um grande mercado em dezembro. Outros são mais vagamente definidos (por exemplo, as pessoas precisam de carros novos o ano todo).

Descubra o melhor momento para lançar cada parte do conteúdo, bem como uma cadência para a frequência com que você lançará novo conteúdo. Isso varia de acordo com seu público e plataforma, portanto, não há regras rígidas e rápidas.

Esteja ciente de que produzir e publicar conteúdo regularmente exige muito trabalho. Se você não tiver um calendário de conteúdo para manter tudo nos trilhos, é fácil ficar para trás.

Você deve estar sempre trabalhando alguns meses à frente, para que tenha as coisas prontas para serem executadas. Isso lhe dá mais flexibilidade caso surja uma nova oportunidade ou emergência, além de minimizar o estresse da criação de conteúdo.

5. Diretrizes editoriais

Qual é o som da sua empresa? É profissional? Acolhedor? Bem informado? Engraçado? Descubra a voz da sua organização.

Anote um documento explicando-o e distribua-o entre seus criadores de conteúdo, sejam eles internos ou freelancers. Isso criará uma sensação de consistência em todas as partes do conteúdo e em todos os canais.

Neste mesmo documento, você deve descrever os requisitos de formatação, incluindo pontuação, estilos de título e estilo. Se você estiver incluindo aspectos visuais, certifique-se de definir claramente as cores da marca, as fontes e o uso do logotipo.

Mesmo que tenham objetivos e distribuição completamente diferentes, cada peça deve ter uma relação clara com a próxima.

6. Canais de Distribuição

Você  já tem seus objetivos de conteúdo, tópicos e calendário definidos. Agora é hora de decidir onde você vai usá-lo.

Identifique as plataformas que você usará para contar sua história e seus processos e objetivos para cada uma delas.

O local onde o conteúdo será exibido geralmente terá um impacto em seu formato e cadência, mas seu objetivo é apresentar uma narrativa de marca consistente em todos os canais.

Ao delinear seus canais de distribuição, você está identificando a melhor plataforma para cada conteúdo.

Procure oportunidades para fazer postagens cruzadas. Não há motivo para você não poder compartilhar o infográfico do seu blog no Instagram. Isso lhe dá o dobro da exposição com a mesma quantidade de trabalho.

7. Análise

Chegou o momento de avaliar o conteúdo e ver o que está funcionando. 

Você não deve apenas analisar o número de compartilhamentos, cliques ou compras em seu site. É necessário entender o que fez um conteúdo falhar enquanto outros deram certo. 

Funcionou bem em um canal, mas falhou em outro? Por que isso aconteceu? É um público diferente ou apenas uma falta de exposição? O Google Analytics pode ser extremamente útil durante esta etapa.

8. Indicadores Chave de Desempenho

Isso anda de mãos dadas com a etapa anterior. Ao analisar o desempenho do conteúdo, você deve encontrar indicadores-chave de desempenho (KPIs) para apoiá-lo.

Novamente, o que você mede dependerá do objetivo.

Alguns KPIs que você pode considerar são tráfego orgânico da web, oportunidades de vendas geradas, alterações de classificação de palavras-chave, compartilhamentos sociais e engajamento, além de links de entrada e custo por lead.

Plano para ter sucesso

Já foi dito que mesmo um plano ruim é melhor do que nenhum plano, então imagine os ótimos resultados que você vai gerar com sua nova e forte estratégia de conteúdo.

Criar essa estratégia requer algum trabalho, mas mesmo as organizações mais simples, com os menores orçamentos de marketing, se beneficiarão com o uso de uma. E é uma necessidade absoluta para departamentos de marketing com qualquer tipo de complexidade.

Siga as etapas listadas aqui e você criará uma estratégia de conteúdo bem pensada que o ajudará a alcançar seus objetivos.

Matéria completa em: https://l.blackrat.pro/sMxvf


👉 Viu um artigo em algum blog/fórum gringo, tal como FB-Killa e CPA.RIP, e quer que ele seja traduzido para o Português do Brasil? Envie para gente o link e vamos fazer isso de graçawww.blackrat.pro/artigos

 Compartilhar

0 Comentários


Comentários Recomendados

Não há comentários para mostrar.

×
×
  • Criar Novo...